Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMO FOI DIFICIL DAR O CUZINHO

Sempre tive vontade de dar a bunda, me masturbava enfiando objetos e rebolando bem gostoso imaginando que estava com uma rola no rabo, mas quando estava trepando e tentavam colocar na minha bunda eu disfarçava, segurava a rola e colocava de novo na buceta.

Tinha medo de sentir dor, devido a algumas historias que tinha ouvido, mas não conseguia parar de me masturbar imaginando uma rola atolada na bunda.

Um dia, para ser mais exata, num domingo, eu e meu marido (na época éramos namorados) estávamos na casa dele e deitamos no sofá, na posição de conchinha, bem juntinhos, para assistir televisão. Sentia seu corpo bem colado ao meu, sua respiração no meu pescoço e suas mãos acariciavam meus seios.Então comecei a sentir sua rola bem quente crescendo e roçando em minha bunda.

Naquele momento nem me lembrei da possível dor, queria apenas sentir aquela rola em minha bunda, estava completamente tomada pelo tesão,sentia minha buceta pegando fogo e completamente molhada.Não falava nada, gemia baixinho e me esfregava cada vez mais naquela rola quente e tesuda. Nunca tínhamos tentado nem conversado sobre sexo anal e eu mal podia acreditar que finalmente iria sentir uma rola de verdade em minha bunda.

Ele puxou a minha calcinha para o lado e começou a forçar sua rola de encontro a minha bunda bem sutilmente. Ele também não falava nada, apenas me acariciava, gemia baixinho, se esfregava em mim, que completamente tomado pelo tesão me empinava cada vez mais, forçando a minha bunda contra a sua rola. Já podia sentir a cabeça da rola entrando no meu cú, quando começaram a chamar por ele no portão. Paramos na hora, porque como não estávamos sozinhos na casa, sabíamos que não teria como fingir que não tinha ninguém.

De noite quando ele foi me levar embora, ficou um clima de frustração, mas não tocamos no assunto.

Nos dias seguintes não podia acreditar que aquilo tinha acontecido, minha vontade de dar a bunda sá aumentava e eu queria encontrá-lo novamente para terminar o que tínhamos começado.

Por compromissos de trabalho sá pudemos nos encontrar na sexta –feira. Primeiro fomos a um barzinho onde estavam vários amigos dele. Não tínhamos combinado nada para mais tarde, mas tamanho era o nosso tesão fomos de lá direto para um motel.

Nos beijamos, acariciamos, esfregamos feito dois animais, sem tocar no assunto tão desejado- a minha bunda.Tínhamos bebido e eu estava completamente molhada, quente.Ele tinha a respiração bem ofegante a rola dura e percorria meu corpo com a as mãos, até que me deitou de bruços e começou a fuder minha buceta, que como disse estava encharcada . Trepamos de um jeito que nunca tínhamos trepado, gemíamos, suávamos eu rebolava, quando ele sutilmente tirou sua rola da minha buceta e começou a esfregar no meu cúzinho.Eu empinei a bunda forçando cada vez mais o meu cuzinho contra rola dele, até que finalmente senti que começava a entrar.Sentia meu cúzinho se abrindo e uma rola grossa e quente entrando, não sentia dor apenas prazer, queria mais e mais.Ele colocava bem devagar, mas não parava ia forçando me fazendo delirar de tanto tesão,e colocou tudo bem gostoso.Eu estava com uma rola atolada na bunda e rebolava para sentir ela dentro do meu cuzinho, se esfregando na beirada do cú e ao mesmo tempo esfregando meu grelinho contra o lençol.Ele gemia e forçava seu corpo contra o meu.Pude sentir gotas de suor que caíram de seu rosto nas minha costas de tanto tesão que ele também sentia.Eu alternava entre reboladas e empinadas e pude sentir um calor que subia pelo meu corpo, fazendo- me tremer e explodir num gozo que aconteceu junto com o dele fazendo-me molhar o lençol e ficar com o cúzinho cheio de porra.

Trepamos a noite toda, dei a bunda para ele mais 2 vezes naquela mesma noite ficando com o cuzinho doendo de tanto dar.

Então descobri que amooooooooo dar a bunda sim e gozo muito com isso...

Rebeca.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


meu marido me flagrou fodendo contosnegra da pra um de4 e chupa do outro por dificuldade em motelcontos erótico acabei indo pela primeira vez num sítio de naturistacontos eróticos eu inocente meu vizinho me pegou no flagra transandome vinguei do meu irmao e me arrependi contos eroticoscontoseroticos chupando meu tiomulhe sora no pau fudedocontos eróticos fui arrombada pelo começoconto erótica- meus amigos fuderam minha noivacontos meu pai me fodecontos eroticos gozei gostoso no estuprop****** do papai contos eróticosContos eróticos "queria experimentar algo novo"meu amigo cumeu minha mae e minha irma.historias eroticasconto sentando no colo no carro sexoRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosminha mãe deu cu p um cavalo contos Contos de sexo en onibuspeguei cunhada certinhacontos. minha irma casada é minha puta escravacontos eróticos o filho de minha amigaver dvd porno homems chupa bucetas de baicho da mesa tira calcinha do ladoooooooooohhhhh porra pornocontos eroticos me masturbo usando calcinhacontos/casado depilei a bundinhacontos de cornocontos eróticos de professoras gostosas transando gostosomagrinho parrudo conto gaycontos erotico d fui dormi so d calçinha com papai me ferreibeijo no umbigo contoscunhada espiando contocontos eróticos mulecadacontos eroticos na paredewww.acordada por papai videos incestoporno pulando carnaval com a tia Conto erotico agachamento no paupapai adora chupar a minha buceta enquanto fode a nossa enpregadacontos eroticos trave x hconto de sexo agrentou duas pica no cuconto erotico negra a cabou com a buceta na siririca regasou a bucetaele grito e choro enquanto dava bucetaconto com cunhada chantagistacontos erótico sou evangelicajaponesinha novinha dividindo o quilo do pai e chupando pornôcontos eroticos estrupeiConto eroticxo gozando na boca do paicontos safados purezaesposa e filha de fio dental e eu contosMãe mamando filho contoseroticosconto o cachorro que fudia a vizinhacontos eroticos abri uma cratera no cu da filha da minha primacontos porno traca troca amiguinhocontos eróticos com velhacontos sou o macho da minha sobrinhamulheres que estejam dispostas a fazer zoofilia que mora no Rio Grande do Sulcontos eróticos na cada de um casal de amigos contos chantageada pelo genro e pela filhaContos eroticos - me come vai, mete maninho.fudi a bundinha da juju com minha rola grande contoscontos eroticos -FILHA tarada pelo Paimae short filho conto incestocomi meu aluno lercontos curtpsmeteu o dedo na minha bundinha contoconto escrito ese ano cavalono nuacache:a_zOfGtuspUJ:tennis-zelenograd.ru/conto_14627_marido-confiante-mas-nem-tanto..html mete até o talo tio contoEnsinando minha soblinha bunda grande a andar de carro contoquad erotico a apostacontos eróticos gay irmãos machos se esfregandom primoporno gay contos oconto mãezinha chupou minha b******** e gozei na boca delarelato transei "por engano"Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalhaContos eroticos galerawww.contos eróticos.com.br enrrabei a patroacomendo a irmãzinha e a amiguinha dela contos eróticosContos eroticos gay primeira vez traumaticacontos eroticos mulher do pedagiojogo de carta em aposta conto incestofiz ammor com minha irmachupando pica abrancando o namorado pela cintura amadorso contos de zoofilia gay dando pra cachorro sendo aronbadoOq deu a chantagem do sindicocontos eroticos - arrombando cuzinhoContos zoofila comi mia professoracontos porno travestis estupros sadomazoquismocontos eroticos cu de esposa vermelho cheio de porra com fotoa puta virgem chora através do pau grosso vídeo 3 minutosContos eróticos gay Comido pelo Amigo do meu paicolocando no cuZinho da Roseli até ela gozarvidio antigos onde duas mulher chamos alguns homen pra transaren no sulper mercadinho xvidioconto brincadeira de meninosContos erotico de exibi a bunda muito grande de fio dentalos bêbados mais lindas gostosas de todos os tempos pelados mostrando o pau