Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A CUNHADA PEGOU AGENTE NO FLAGRA

Click to Download this video!





Esse fato aconteceu agora em janeiro de 2010, eu e minha namorada (Vanessa - fictício) sempre namoramos na área que tem na frete da casa dela que também e usada como garagem e tem um sofá de 2 e outro de 3 lugares e uma rede. Como de costume ficávamos La no sofá namorando e muitas vezes dando uns amassos, ela costumava usar saia ou vestido pra que eu pudesse alisar a sua bundinha e a sua bucetinha e ela sempre batia uma punhetinha pra mim e pagava uns boquetes bem gostosos.

Minha namorada é baixinha 1,55 e magrinha, na verdade como eu sempre falo pra ela que ela é uma falsa magra tem uns peitinhos médios e uma bundinha bem empinada, eu vivo brincando com ela quando a gente esta andando que nem parece que ela tem uma bunda tão gostosa quando esta vestida. Eu sou um cara normal 1,79 e 70 quilos e 19 cm de pinto, minha cunhada Vânia parece com a minha namorada apenas um pouco mais alta, mas no resto são muito parecidas, ela morra em outra cidade e sá vem para casa da mãe dela nas festas de final de ano e nas férias dela.

Com de costume Vânia veio para as festa do fim de ano até ai nada de mais tudo normal até o dia em que ela nos flagrou. Vamos aos fatos..... Estávamos no sofá na maior pegação a Vanessa estava usando um vestido tomara que caia e um conjunto de sutien e calcinha que eu dei pra ela no natal, todo de renda e com a calcinha socada no rabinho dela uma delicia sá. Estávamos no maior amasso a Vanessa já tinha tirado o meu cacete pra fora da bermuda e estava pagando um boquete bem gostoso e batendo uma punheta enquanto eu enfiava o dedo no cuzinho dela (ela adora) e na xaninha, quando escutávamos algum barulho parávamos e quando víamos que não era nada continuava a pegação.

O tesão estava muito alto naquele dia e ficamos mais empolgados e foi nessa hora que a Vânia apareceu e a gente não percebeu, quando olhamos a Vânia estava na porta da sala olhando a gente, como eu estava de costas pra porta ela não pode ver o meu cacete mas nem precisava, então ela se aproximou e logo a Vanessa baixou o vestido que estava na altura da cintura e eu coloquei o pinto pra dentro da bermuda e a Vânia foi logo falando.. Que safadeza!!!!! Bem que eu achei que vocês estavam muito quietos!!!! A Vanessa foi logo perguntando se ela iria contar algo pra mãe delas, e a vania disse que não mas que queria alguma recompensa. E foi logo dizendo que estava na maior secura e que estava com vontade de tomar um leitinho de rola, na mesma hora a Vanessa foi logo protestando que não iria aceitar me dividir com ela, conversa vai conversa vem das duas e eu ali sentado e calado vendo a negociação das duas.

Depois de muita conversa a Vanessa aceitou, mas com a condição de ser apenas aquela vez (inocência a dela) e já foi pegando a minha rola e colocando pra fora da bermuda de novo, e eu pra fazer um charme fui dizendo que eu teria que dar a minha opinião também já que era a minha rola que estava na negociação mais ai a Vanessa falou logo pra mim calar a boca que eu iria gostar da chupada das duas pois esse é o sonho de todos os homens, comer duas mulheres ao mesmo tempo. Foi ai que a Vânia foi logo se posicionando ao meu lado e metendo o meu pau todo na boca e chupando de cima a baixo e a Vanessa ficava sá de olho na cena da Irma chupando o meu pinto.

A Vanessa chupa muito gostoso, mas a Vânia era uma boqueteira de carteirinha, enfia o meu pau ate chegar na garganta e tirava babando mais ainda e revezava batendo uma foi então que a Vanessa falou que iria mostrar como fazer para que eu gozasse logo pra Vânia tomar logo o leite que ela queria, começou a bater uma bem rápido e revezava chupando a com bastante força ate que eu não aguentei e anunciei que iria gozar, a Vânia pediu pra colocar o meu pau na boca dela mas a Vanessa não deixou e colocou a Mao na frente pra que gozasse na mão dela e não deu outra enchi ela de esperma e ela falou pra Vânia lamber tudinho da Mao dela e foi o que ela fez, terminada as lambidas da mão a Vanessa pegou meu pau e lambeu o restante que tinha.

Depois da chupada a Vânia entrou e foi pro quarto e logo voltou de saia e sentou perto de nos e foi falando que foi muito gostoso mais ela ainda estava na maior secura, pois não dava pra ninguém tinha muito tempo e que agente tinha que ajudar ela a acabar com isso. A Vanessa aceitou mas falando que seria somente naquela vez então a Vânia foi pegando no meu pau de novo e começou a bater uma punhetinha e foi falando que adorava ser chupada e chupar também, e pediu pra Irma dela ficar mais afastada pra ver se aparecesse alguém e começou a chupar a cabeça e foi descendo pro ovos e voltando pra cabeça, enquanto ela chupava eu fui levantando a saia dela e vendo que ela estava sem calcinha nisso já fui metendo um dedo na xota dela e vendo que estava muito molhada, peguei um pouco do melzinho dela e levei ate a minha boca, chamei a Vanessa e coloquei um pouco na boca dela e falei pra ela sentir o gosto da Irma piranha dela ela chupou e pediu mais ai eu falei pra ela pegar direto na fonte então ela se ajoelhou no chão na frente da Vânia e começou a chupar e nisso eu me afastei e deixei as duas brincando um pouco.

Fiquei um pouco afastado e fui incitando as duas falando que as duas eram umas putinha bem safadas e se estavam gostando da putaria e elas falaram que sim e que era pra mim chegar mais perto que elas iria me chupar ate gozar de novo pra elas beberem. Sentei no sofá entre as duas e elas começaram a me chupar revezado entre as bolas e a cabeça, enquanto elas chupava eu fui levantando a saia da Vânia e o vestido da Vanessa e metendo o dedo no cuzinho das duas e na xaninha delas, ai que ela chuparam com mais vontade eu já não aguentava mias aquela chupação toda e falei que iria gosar nisso a Vânia pegou meu pau e foi bantendo uma punheta bem rápida e falou pra Vanessa juntar as mãos em forma de concha pra aparar a gozada, gozei bem muito e quando terminei a Vânia ainda segurando o meu pau foi em direção das mãos da Vanessa e foi lambendo a porra depois foi em direção da boca da Vanessa e deu um beijo e falou pra Lea chupar o restando do meu pau.

Ficamos um tempo conversando e a Vânia confessou que tinha visto um mensagem mais cedo no celular da Vanessa na qual eu dizia que queria brincar com ela um pouco a noite e que era pra ela ficar de vestido pra que chupasse bem gostoso a bucetinha dela. Como ela estava na secura não resistiu e armou a tocaia pra entrar na brincadeira também, na hora em que eu fiu embora pedi pra elas ficarem de quatro uma de casa vez, chupei um pouco as bucetinha uma de cada vez e fui pra casa feliz da vida.

Em outro conto falo pra vocês da transa de despedida com as duas, que começou no cinema e terminou na minha casa.

Uzumaki

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eu virei puta e amante do meu paicontos eroticos mae fazendo podolatria com o filhoContos porno de irma que traem com grandecontos dei pro mulato amigo do meu maridopirulito do titio contos inocentemulher sobe em cima da pica do manequimfilhaminha prima contocontos eroticos traindofodas de esposas q gostam de ser curradascomi o cuzinho do vizinho novinho contos heroicosconto minha esposa com seu primoestorei o cu dela contoa minha mulher engole me o paucontos genro me comeuChantageei minha tia escrava lesbica contoContos bct larga adorooRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosfoda louca na empregada até o orgasmoxvidio travesti ta duendouma x aninhar bem lisinha e gostosaursao tio roludo contocontos evangelicacontos eróticos mulheres casada adoram pau grandeMae do amigo no msn conto eroticoconto porno de amigas casadas fudendo com machos picudos nas feriasConto erotico minha esposa pagou pra ser fudidacontos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornocontos eroticos espadinho com o pau primo comendo minha mae sandro conto eroticocontos eroticos enfermeira saco peito grandea mulher do meu irmao putinhaminha mulher pediu pra fuder minha enteada contospornô o homem que nuca viu uma boceta quando viu endoidouconto gemendo no pau do pone taradoMe comeram ao lado do meu namoradomelhorescontos eróticos gosando pelocucontos submissa para pagar dividasesposa no motel com amigos contotirei o cabaco do garotinho mimado de onze anoscontos esposa e a visinha fodem com cãotia sentar no colo do sobrinho no carro histórias eróticos completoComto pego em fragantecontos de casadas que gostam de levar no cu e na conaTennis zelenograd contoconto erotico as pregas da empregadaComigo por um cachorro gay contoscdzinha dando bundinha vestida de sainha rosa gosando gostoso sem tocar no pauconto erótico comendo a amigasegurou a filha para tirar cabaçoContos eroticos humilhado seiosminha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoscontos eróticos no colo pra me tercondos erodicoscontos eróticos tia no puteirocontos chavecando o cuzinho da coroaconto o inimigo do meu pai me comeu foda gostosa com amigos contos conto erotico empregada negra escraviza patricinhacontos eroticas putinharelato erotico meu cachorro comia meu cuzinho quando meninawww. indiando a rola na gostosa por baixo do vestidocontos erótico putinha de zonacontos eroticos incesto vovô e titio me fuderamMinha cona molhada relatostesudas contoConto de mulhe minha esposa e o molequena casa de swing recife contocoki a amiga da esposa contosrelatos eroticis minha esposa eu e nossa amiga LuPrepara a sua mulherzinha pra dar o cuzinho para aquele cacetão ali!”,Mega gozada na boca contosconto erótico mulher é domada e faz marido assistir ela traindoContos eroticos gosto que minhas tetas estejam vermelhas de tanto macho chupandopeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha excontos observando os peitinhos da filhinhanovinha com peso na barriga usando churrasco de vídeo pornôPapai derramo leitinho na minha cara contos eróticosAteliê dos contos eróticoconto erotico viadinho foi dormir no sitio e teve que vestir calcinhapau duro micaelacontos eróticos e de dia em q uma ninfeta que eu odiava dormiu na minha casaconto erotico chupei uma sobrinha de nove anos q fez xixi na camacontos eroticos da iniciacao gaycontos eroticos gay na boleia de caminhãoenfiando o dedo no cu da coroa cotoseroticos