Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEPOIS DE 33 ANOS ACONTECEU.

Bem, o relato que estou passando aqui é verdadeiro. Tudo começou quando eu tinha meus 19 anos. Eu era branquinho, pois tomava pouco sol, muito lisinho e o que mais chamava a atenção, era minha bunda grande e arrebitada, que dificilmente escapava de umas encoxadas de meus poucos amigos. Até ai tudo bem, pois não passava de brincadeiras de crianças, mas o fato que realmente marcou, foi quando fui trabalhar em regime de meio periodo (parte da tarde) em uma quitanda. O dono deste estabelecimento, vou chama-lo de Breno, tinha 37 anos, casado, bonito, e nessa epoca sua esposa estava gravida. Nos primeiros dias de trabalho foi tudo tranquilo, pegamos bastante amizade, e começamos a ter mais intimidade. Como trabalhavamos quase sempre atraz do balcão, e devido ao pouco espaço, era comum ele estar sempre me encoxando, o que me dava muito tezão, pois sentia sempre seu pau bastante duro. Passados mais alguns dias, ele me confidenciou que estava louco de tezão, pois sua esposa não passava bem e que já não transava com ela a tempos, e me pediu se eu não poderia "quebrar seu galho", pois já havia notado que eu gostava quando se esfregava em mim. Perguntei como poderia fazer, pois era virgem, já que nunca tinha dado para ninguem. Ele me disse que tambem não iria me comer, apesar da vontade, pois seu pau era grande (23 x 8) e não queria correr o risco. O que ele queria, era que quando em serviço eu usasse uma calcinha vermelha que ele me entregou, que sentasse em seu colo, que o punhetasse e chupasse seu pau. Assim começamos nossas brincadeiras, e muitas vezes enquanto ele recebia o dinheiro de algum fregues, eu abaixado atraz do balcão estava lambendo a cabeça daquele belo membro, e durante os meses que ali trabalhei, o fazia gosar umas duas vezes ao dia, e mesmo tentando por varias vezes que ele me comesse, ele não quiz.

Acabei saindo do emprego, mudei de cidade, nunca mais me envolvi com ninguem. Casei, fiquei junto de minha esposa por 25 anos, mas acabamos nos separando. Voltei para minha cidade natal depois de 33 anos de ausencia, e um dia por obra do destino acabei encontrando o Breno, agora já com 70 anos, viuvo, mais ainda bem conservado. Conversamos bastante, e acabamos recordando o passado, e confesso meu tezão voltou a tona. Como ele estava viuvo, sugeri que poderia "quebrar seu galho" novamente, pois estava com 47 anos, continuava em forma, bunda ainda bastante bonita e virgem. Ele me deu seu endereço, e pediu para que eu fosse em sua casa naquela noite. Quando lá cheguei, ele pediu-me que fosse em seu quarto, pois em cima da cama havia um presente, e que era para eu usa-lo.

Fui ao quarto, e lá estava uma tanguinha vermelha e uma camisolinha branca, uma peruca loira, baton vermelho e um par de tamancos. Vesti-me, e quando estava pronto o chamei. Ele veio e estava usando uma cueca transparente, que realçava bem o tamanho de seu pau, que ao me ver começou a dar sinais de vida. Pediu-me que desfila-se um pouco para ele, depois veio encostou aquele belo membro em minha sedenta bunda, esfregou-se bastante e pediu-me para chupa-lo um pouco, pois queria matar a saudade.

Depois nos deitamos na cama, e apás muitas caricias, ele pediu-me para ficar de quatro, pois iria realizar nosso desejo de mais de 30 anos de espera. Ele afastou um lado da tanquinha, deixando meu cuzinho ainda virgem esposto, passou bastante KY, e delicadamente foi introduzindo seu magnifico pau em meu cuzinho até então virgem. Com muito carinho foi colocando e tirando, e devido meu tezão estar a flor da pele, confesso que praticamente não doeu quando finalmente ele colocou tudo. Começamos num vai e vem devagar e cadenciado, eu procurando arrebitar o maximo possivel a bunda, mexendo bastante para dar e receber o maior prazer possivel. Os mais de 30 anos de espera, foram compensados com uma gostosa gozada, que deixou meu cu arronbado e cheio de esperma. Nessa madrugada, ele ainda me comeu mais uma vez.

Hoje estou com 54 anos e meu Breno com 77 anos, mas ainda mostra quase a mesma vitalidade, pois me come pelo menos 5 vezes por semana.

Desculpem se o texto foi longo, mas procurei resumir o maximo. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


garotos safadinhos picas e bundas videosconto erotico mulher dando para o vizinhoContos de deu o cu por drogasconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuConto erotico uma princesa para um pedreirovisinha casada o novinho contos com fotosContos excitantes sou gaúchaeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos eróticos de bebados e drogados gaystentando comer a sobrinha contoscontos eróticos sogra pediu pra ver minha rolainspetora viu meu pau contospoeno cenas namoado apwrtando mordendo e chupando teta da namorada pra formar bicosexe conto com foto enrAbei minha filia cravidaconto eroticos vendo a foder minha irma no papai betinhameu aluno bate punheta olhando minha bundafotos e videos de mulheres tomando banho etrocando de roupasSobrinhas do prazer contosArrombei a casada crente contosgays chupando cu de macho caretaContoseroticosdesolteirasconto de botei a minha irmã bem novinha pra chora com a pica grande no cu virgecoroa da buceta griluda espirando poro logewww.cunhadaraspadinha.com.brdou meu cu para meu amigo colorido contos eróticosconto erotico deixei o cu da velha japonesa arombadoContos erótico de lutinhacontos de coroa com novinhocontos reais de mulher que deixou cachorro emgatar na bucetaamigo hetero contotravestis comedo o cuzinho de homem amarrado e amordassandocontos coroa 58 anos pau grossotravestis comedo o cuzinho de homem amarrado e amordassandoCheiro de rola de machos de academia suado contos gayscontos eroticos incesto fazendo minha filha gozar no meu paucontos de casadas sendo assaltadas e estrupadas gozando gostoso contosfudendo a morena gravida contos picantes seduzindo o cunhado sem quererEncoxador contoscontos de chorei com a pica de meu avô no cusenti o pauzao dele no fundo da minha buceta/derramando muita porracontos recentes incestos encoxados segredos flagradosConto erotico menininha cagando no pintoconto pequeno titio queria agarrar os seio da mocaSou casada mas bebi porro de outra cara contosaec porno videos bhcontos eróticos fui pra casa da tia e meus primos me arrombaramcontos eróticos com gordascontos porno de comeram minha namoradacontos filho fudendo com a maebucetas carnudas grandes beicos casadas cornoscontos eroticos papai 40 amigas i eu arrumasacanas.de.minhas.cunhadascontos eróticos fui Penha a força por doisContos eróticos de gay comi o filho do amigo do meu paivideos porno gays me pegou no flagra no poraomso mrninas na mastubando n causinha toda melada video mobilcontos eroticos gangbangliliane sabe quero seu cucontos clara minha putiaWww xporno subrimhas trazei cm elas virg demeno eu eracomendo a cunhadinha lindinha contos eróticosorgia com velhas contos eróticostranse com meu pai no onibuscontos eróticos com vizinhaconto xota cu irmãzinhaconto pai trepando filinha pequenaContos de cdzinha novinha de shortinho fino socadotrai meu marido e ele ainda me chupou contocontos porno esposas estuprados submissoscontos de coroa com novinhoconto gay cinema pornô Recifeadultas com seios e bundas fartas filme porno tia gostosa faz uma viajem dormi com saudade do sobrinho da cuconto erotico tomando banho com minha amigacomo enfiar caralho na conacorno na minha propria casa contos eroticocontos eroticos reais cornos impotentesconto erotico real meu marido me liberou dar o meu rabocontos eróticos com tia perdendo apostacontos de coroa com novinhoVou contar como transei com a visinhacontos o pau do enteadoenrabador de afeminadoconto erotico dona de casa dominada Cachorro tragado na buceta da mulhera mulher que tem um cacete uma mulher que tem um cacete até uma rodadinhaquebrei o cabaço da minha irmã ela chorou muito porno cariocaMeu marido deu carona para um estranho e me insunuei pra eleencoxei minha tia peituda (contos).contos encoxando o amigo casado