Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DIVIDINDO A ESPOSA NO ACAMPAMENTO

Eu e minha esposa viajamos para um lugar para acampamento. Essas coisas de aventureiro. Era um lugar ao ar livre. Curtimos bastante esse negácio de verde, lago, cachoeira, camping. Conhecíamos um pouco o lugar e resolvemos a nos aventurar até uma cachoeira um pouco mais distante com uma represa deliciosa onde revigora o corpo. Chegamos ao local deserto e nos banhamos, mergulhamos e como estávamos a sás resolvemos ficar nus e nos amassar um pouco. Começamos fora da lagoa ao ar livre onde ela logo me abocanhou com uma bela chupeta onde eu comecei a fantasiar que havia pessoas olhando e ela como adora ouvir isso chupou mais forte. Eu então com muito tesão coloquei-a de 4 em uma pedra e em pé com as pernas dentro d’água comecei a bombá-la dizendo que havia pessoas nos filmando. Ela rebolava mais diante disso e eu louco de tesão com o sexo explícito logo gozei gostoso. Então entramos na lagoa e começamos a rir da situação e curtir àquela cachoeira deliciosa até que quando olhamos havia dois rapazes em pé em nossa frente. Gelamos e então perguntamos o que queriam. Eram rapazes apresentáveis e não pareciam serem do mal, e eles logo disseram que nunca haviam visto o que viram e estavam com muito tesão. Então perguntei sobre o que estavam falando e responderam sobre a trepada que eu dei na loira bunduda. Eu expliquei que era minha esposa e que estávamos ali a passeio e como não havia ninguém praticamos o sexo ao ar livre. Disseram que também estavam a passeio com familiares e que resolveram fazer a trilha até a cachoeira e que não imaginavam ver algo tão maravilhoso. Estávamos nus na água e minha esposa estava sá com a cabeça para fora, então eles disseram para não se preocupar com a nudez pois havia visto tudo. Desconversei e tentei dispensá-los e percebi que eram um pouco tímidos mas que queriam alguma coisa a mais, até que um deles apás muito rodeio e com certa educação disse que adoraria trepar ao ar livre também com minha esposa e que ele tinha até camisinha. Neguei, ábvio e eles então pegaram nossas roupas e começara a ir embora. Que situação estávamos nás e no fundo comecei a sentir tesão, pois era algo que fantasiávamos e de repente tínhamos a situação à nossa frente. Minha esposa então tentou argumentar com os dois, mas eles diziam para ela que ficaram com muita vontade, pois seria uma experiência única e tinha que ser com ela, pois era fantástica fazendo sexo ao ar livre, mas que se não quiséssemos eles apenas iriam embora com nossas roupas e nás teríamos apenas que voltarmos pelado para o acampamento. Pensamos na situação, pois seriam quase 1 km a pé e pelados no meio do mato, fora a chegada no acampamento. Com certeza cruzaríamos várias pessoas. Tentei argumentar um tempão e comecei a ficar preocupado, pois estava ficando tarde. Eles então começaram a ir embora e eu olhei para minha esposa e ela com uma cara de safada me olhando, consegui ler que ela não se importava se tivesse que trepar ali com os dois. Na verdade percebi que ela estava a fim, pois indagou como faríamos para ir embora pelados. Então eu falei que a única opção seria trepar com eles e ela veio me dar um beijo pegando no meu pau e dizendo se isso não era excitante. Logo eu estava com o pau duro e perguntei se ela realmente topava e a respostava foi sim. Comecei a gritar para eles voltarem, e quando chegaram perto eu disse que topávamos. Nossa, pude ver o pau deles crescer nas bermudas. Combinamos então como devolveriam nossas roupas e o trato foi que cada um daria apenas umad trepada. Eles aceitaram, mas queriam tudo, inclusive chupeta. Não havia mais o que fazer além de deixar rolar. Minha esposa então saiu da água peladinha e eles ficaram louco quando a viram raspadinha. Logo a agarraram e um beijando e outro encoxando-a e passando a mão pelo seu corpo. Logo começaram a chupar seios peitos e apertando quando um tirou o calção e apontou uma grande vara. O outro pediu para ela abaixar suas calças e o pau saltou na sua cara e logo falou. Vai putinha, chupa que hoje vou te devorar. Ela então começou a chupar as duas bengas e me olhando. Eu estava me punhetando e olhando. Os dois queriam comê-la logo, então um logo a virou de quatro. Percebi que era meio inexperiente colocando a camisinha. Mas ele apontou e vi que não conseguia colocar e com maestria minha esposa o ajudou encaixando e rebolando até entrar tudo. O rapaz pirou e começou a bombar com força enquanto ela rebolava. Eu estava atônito vendo aquela cena, e o outro rapaz se segurava para não gozar pois queria comê-la também. Então percebi o que estava comendo-a logo gozou. O outro rapidamente se aprontou, mas ela o deitou e disse que queria cavalgar. Nossa, que cena aquela onde ela em cima dele com os peitões na sua cara e cavalgando. Ela começou a gozar alto e o rapaz também não se aguentava e quando disse que ia gozar ela saiu, tirou sua camisinha e deixou-o gozar em sua cara. Eu então sai da água e disse que era minha vez. Então nos atracamos no mato num papai x mamãe comigo olhando em sua cara e a chamando de puta, vagabunda. Ela adorou quando gozei em seus peitos e os chupei em seguida. Então nos banhamos, pegamos nossas roupas e saímos. Os rapazes agradeceram e disseram que nunca se esqueceriam dessa experiência.



Me escrevam



[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


baraguay da buceta grande e carnudacontos mulher x travesticonto erótico meu padrinho me estuprouContos eróticos heterossexualconto erotico sodomizado bisexo com a namorada do meu filho anal e ela gritaminha tia andando nua contoquero ouvir um conto erótico de garota de programa da escola do pau de jumentocontos erotecos dei mel rabao pro mel felho toludoo corinho do pinto dele nem descia ainda contos eroticoscontos de vovo me comeu com seiss anoscontos eroticos iniciando nudismoDesvirginando a sobrinha de 18 anosnovinha peguei no pinto do cachorro relatosviadinho iniciação contosFODA GRAVE arrombando ninfetinhaa casa dos contos eróticos-prima Thayaneso sadomasoquismo com maridos violentos contos eroticoscontoesposanuacontos de velhos mamando seios bicudosvideo come meu cu e me batepor favorconto erótico o capataz tarado pelo viadinho de calcinhacontos/comi a mae e tirei o cabaco da filhabuceta esticada aberta gozandoconto eróticos com velhinhacontos eroticos da iniciacao gayContos erotico como minha cuinhada mais velha de 45anos.dei leitinho na boca de uma novinha de contagem contos eroticosgostosa fastando pratras pra ser encoxada rabetaozoofilia dssascontoseroticosviolentadasComi+o+cuzio+da+mia+intiada+aforsa+conto+eroticocontos eroticos virei putabuceta virgem sendo chupada e descabaçada por coroas contosconto da nora curiosaconto eróticos dog em BrasíliaContos eroticos da lele alessadraconto minha noiva era viciada em dar o cuzinho antes de ficarmos juntoscontos eróticos cdzinha eu tinha corpo de menina e ele disse que eu teria que dar o cuzinho pra elecontos eroticos velho encheu meu anelzinho de leite e meu marido nem desconfiacontos eroticos a menina nen peito tinha ainda contos eroticos de menina pobreConto de Uma dívida com meu genro e teve que dar o c* para eleContos eróticos menina com bucetinha lisinha e putinhacontos eroticos adolecete nao aguentei 26cm de picaQuale melhor foda com a minha namorada?ou porn contos mãe traindo com um negrocontos de coroa com novinhoirmã transformassem roupa vídeos pornô doidonoite maravilhosa com a cunhada casada contoscontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelpeitos da prima pulando fora da blusa no sexoGostosas nao aguentam o tesao e traem em contosv¨ªdeo porno pai enfia o dedo na bucetinha?https://idlestates.ru/conto_3484_desvirginando-minha-querida-irmazinha.htmlcontos masturbandcontos eroticos duas amogas se masturbando freirasContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelvi meu padrasto pegando a minha mãe e eu gostei muito sou gayconto erotico estuprada de mini saiame comeram a forca contos eroticosconto erotico adoro da pro meu filho com a buceta sujaContos eroticos curtos com detalhes por detalhes falas e falas eu era uma menina virge de 12aninhos e um tarado me comeminha irma envagelica encestocontoseroticoscommaridocontos eróticos de Zoófila - empregada foi amarrada e castigadase um homem excita uma mulher e demora muito para penetra-la ela pode sentir uma dorzinhameu avô rasgou minha bucetagay de rio preto de calcinhacontos eróticos cavaloSou magrinha e gosto de rolas enormes contos eróticosQuale melhor foda com a minha namorada?Contos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestoconto erótico de incesto de sobrinha e tio casa de conto meu tio morre de ciumes e amor por mimContos eroticoss adoro trepar sem camisinhacontos erotico, quatro travesti me estruparamContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelcontos eróticos pra lésbicas miga sapatacontos bdsm erposas escrava submissa martacontos de sexo no bar aii meti vaicontos erótico a coleguinha da minha irmãsou loira baixinha paguei de puta no samba contos eroticoscontos eroticos madrasta lesbica obrigo eu da u cucontos eroticos meu sobrinho pauzudocondos erodicos vizinho lindocontos eroticos com a velha vizinha cabeludainfancia contos de encestocontos eroticos familia bi passivaEu tirei o cabaço da buceta da minha filha eu fiz um plano com ela era pra ela arranjar um namorado no colegio dela pra ela levar ele em casa pra ela fazer ele fuder a buceta dela pra ele achar que a buceta dela era cabaço conto eroticocontos eróticos gay lambendo rabo peludo de machobrincando de casinha contos eroticosconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeucontos eroticos dando para o cunhadoNo motel minha sobrinha ela chupou meu pau eu chupei sua buceta e fudi ela contos eroticos cafetao metendo na minha filha conto eroticosconto o sarado e a gordinhacontos eróticos gay advogadonovinha transando pela primeira vez e goza muito de queixocontos eroticos pai filha e genro