Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU E MEU IRMÃO COMENDO MINHA ESPOSA

Olá, estou aqui novamente para contar algo, gostoso que aconteceu comigo e minha esposa Solange, apás aquela transa muito boa que comi minha esposa e cunhada, relatada no conto (como comi minha cunhada e esposa juntas ), foi a vez de realizar outra fantasia, desta vez vendo minha esposa transar comigo e outro homem juntos com, já algum tempo eu ficava imaginando como seria ver minha esposa transando com outra pessoa, apesar de muito me excitar, faltava coragem, vivíamos imaginando, eu contava contos bem safados no seu ouvido fazendo ela ficar bem molhadinha, depois transávamos muito, algum tempo depois eu comecei imaginar uma transa entre ela e meu irmão que por sinal tem um grande tesão por ela, eu já havia transado com a esposa dele, não sabia se ela tinha contado ou não, sá sei que a idéia foi crescendo, cada vez mais, um dia sentado no sofá de casa, Solange sem mais nem menos começou a brincar com ele, eu me excitei quase chamei ele pra apagar o fogo dela ali mesmo, mas me contive, começamos a imaginar seria ele e Silvana em nossas transas trocando de parceiros e transando todos juntos, ficava muito excitado pensando nisso, Solange, começou a falar pra mim que meu irmão Roberto dava cantada nela, eu ao invés de ficar nervoso gostava e a incentivava a provocá-lo, falava que ia chamar ele, para apagar o fogo dela, enfim sá imaginava, até que um dia loucos de desejos, resolvemos por em pratica nossos desejos, era um sábado, as crianças costumam dormi na cassa de minha mãe que mora ao lado, meu irmão não sei porque toda hora ia em minha casa com a desculpa de pegar uns DVDs emprestados, eu tinha alguns pornôs, falei que já tinha assistidos alguns e que ia assistir a outros, e que ele poderia levar o que eu já tinha assistido, mas ele queria algo a mais, Solange para minha grata surpresa apareceu na sala sá com a parte de cima de seu babydol e com uma calçinha preta minúscula, contrastando com sua pele branquinha, quando eu há vi, meu coração bateu muito mais forte, não pude recuar, assim que meu irmão se virou e viu ela desse jeito, não sabia o que fazer, então eu sem alternativa, falei pra ele observar como minha esposa era gostosa, e chamei-o para me ajudar a apagar o fogo dela, ele nem pensou duas vezes, fiquei sentado no braço do sofá, ela se curvou e tirou minha rola pra fora da calça e começou a chupar, que boquinha mais gostosa que ela tem, meu irmão ainda meio assustado tirou seu cacete pra fora e esfregou começou na bundinha maravilhosa de Solange, ela tirou o meu pau da boca e pediu pro Roberto enfiar logo seu cacete na sua buceta, ele prontamente fez isso, que maravilha ver aquela boca gostosa, mamando no meu cacete, e olhando o pau do meu irmão entra todinho na sua buceta, paramos e fomos para o quarto, lá ela ficou de quatro na cama, eu troque com meu irmão fui comer sua buceta, enquanto ele mamava no pau do meu irmão, que gostoso ver aquela cena, ficamos algum tempo assim, eu olhava e via a satisfação no rosto de meu irmão, imaginando o que estaria passando na cabeça dele ao realizar o seu desejo, depois disso ele deitou na cama com a barriga pra cima e ela sentou na rola dele e ficou galopando, e fiquei olhando os dois, mas me arrependo de não ter enfiado meu pau no seu cuzinho, depois de algum tempo paramos e meu irmão se arrumou e foi embora pois sua esposa que mora ao lado o chamou sem imaginar o que estava acontecendo, eu e Solange fomos tomar um banho juntos, começamos nos alisar, se beijar e pronto já estávamos transando novamente, gozei gostoso em seu corpo, assim que ela saiu do chuveiro, eu ainda fiquei um pouco mais, meu irmão apareceu de novo querendo continuar a foda, entraram no banheiros juntos, ele pediu pra ela sentar no vaso sanitário e chupar sua rola, que já estava dura, ela recusou e foi pra cozinha, nás fomos atrás chegando lá ela se ajoelhou e nos chupou um pau de cada vez que delicia ver aquele boquete maravilhoso, eu não estava crendo que estava sentindo tesão vendo minha esposa chupando outro pau, mas eu fiquei muitisssimo excitado com aquela cena, levamos ela novamente ao quarto e lá ficamos revezando entre sua buceta e a sua boca, meu irmão estava louco pra comer o cuzinho de Solange, chegou até a dar umas lambidas nele, mas não comeu, depois, ela foi pra sala encostou na parede e pediu pro meu irmão penetrá-la novamente com ela em pé sá empinando aquela bunda maravilhosa, apás socar muito naquela buceta foi a minha vez, enfim ficamos algum tempo nesse rodízio, foi maravilhoso, agora sá falta realizar o desejo de transar com dois casais juntos e fazer uma dp em minha esposinha querida, assim que realizar contarei a todos como foi.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de mulher transando com negão p******mulher sendo forçada a gozar com pirocada de macho amarradaconto herotico gay Virei a putinha de dois noiasconto erótico peguie minha mãe no flacra tocando siririca lésbicascontos eroticos mais exitantes mais fufidoscomo fazer pra minha sogra ter tezao por mimcontos de comi o cuzinho apertado de uma Neginho novinhobati uma siririca pra meu cunhado contoscontos eróticospapai e filhinhaContos porno a biscati da minha esposa tevi corajemulher ver pica grande e o cu fc piscado pornohttp://max prime gay vibrado cosolo esga no cu na hora vidioquadrnhos eroticosContoseroticosdesenhorascontos eroticos entregadorcontos cris super dotadomenininhas fudendo com vários cachorros contos eroticosContos erótico lutinhagay negro bebado sente pora escorrendo no cuconvencimeu marido a ser cornocontos dando de mamar para filhinha engulin porraele me seduzio e quebrou meu cabaço historeas reaisgay novinho e o pepino/contos eroticoscontos de coroa com novinhover conto erotico sob velhos etrupadorecontos eróticos gay meu meio irmãosem querer fraguei minha cunhada no banheirocontos eroticos de urologista e pacientemonique com chprtewww.contos eróticos.com.br enrrabei a patroacontos eroticos cdzinha quando era menino me vesti de menina e marquei pra dar eu queria ser meninacontos de punheta com botascontos eróticos minha esposa trouxe sua sobrinha para morar com a genteminha mãe adora bater punheta para o meu irmãomeu cu ficou rasgado e sangrando contosconto erotico gay virando a menininha do tioconto eróticos mendigo batendo punheta na rua da minha casaconto cu menina esconde-escondeestrupei minha tia-contoseroticoscontos eroticos irmazinha se oferecendozoofilia espanhola gostosa atualcontos eroticos comendo a velha horrosa dormindoенцеси с зоофилыpais se esfregando na filha shortinho corcontos erótico fudi uma cabritinhaconyor ele domou minha bucetaContos de viadinho de shortinho socado querendo dar o cuContos eróticos de incesto mamae gulosa mamando em tres picas grandesvistorias eroticas de zoofiliacontos eróticos eu putinha cavalaver uma mulhervelha arreganhando a priquita com os dedoscontos comi o cu do meu marido com o desodorantecu peidão conto gayO dia que realizei a fantasia da minha filha contos eroticosconto amante do manocalma aí bota devagarcontos erótico irmaoscontos eroticos de meninas sua mae forçou a ser putinha bem novinha por granaaConto erotico meu marido so na puneta o pal dele nao enduresecontos eroticos de fui comido pelo meu tiocontos minha tia viuva sua amiguinhavídeo pornô com travesti travesti transando com a outra por amor todinho raiva da outracontos eróticos mulatacontos lesbcos primeira vez co minha primaContos pornos-mamae deu um selinho no meu pauconto erotico vendedor.de.mandiocacontos de incestos e surubas ferias entre irmas fazendadsa magrelinha de rua contos eroticosconto erótico enteada querendo dar po padrastocontos a punheteira do papaicontos picantes tarado no onibuscontos dando minha bucetinhanoite pono nata dormiu