Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO MINHA CUNHADA

Tenho uma cunhada com a qual convivo desde meus nove anos de idade. Sempre fomos muito amigos. Ela é uma mulher de 1,70, loira pintada, olhos cor de lilas, seios mais lindos e tesudos que ja vi. Com o passar dos anos ela formou-se em decoração de interiores e eu em engenharia de Software. Mas minha vocação sempre foi para advocacia e a vida no campo. Meus pais tinham uma fazenda em Sorocaba cuja sede da fazenda era uma do seculo 19 e que precisava de restauração. Com a morte de meu assumi a direção da fazenda e combinei com ela de restauramos a casa para que eu pudesse transforma-la em escritário da fazenda que produzia leite, milho, girassol e tijolos, pois tinhamos barro proprio para sua fabricação. Marcamos então uma segunda-feira para ela ir até Sorocaba onde iria busca-la na rodoviaria. Katia, nome ficticio, era uma mulher delicada e acostumada com a vida da alta sociedade de São Paulo. Eu trabalhava em uma multinacional e nos fins de semana dedicava-me à fazenda. Havia eu passado o ultimo fim de semana pois a plantação de milho e girassol estava perto da colheita e minha presença nesta época era importante. Ás 10:00 horas eu estava na rodoviaria para apanha-la. Ela chegou e pediu para para passarmos na casa de minha tia que residia na cidade há variois anos. Logo apás tomamos o rumo da Fazenda. Como esta era sua primeira vez la, mandei a caseira preparar sua suite com todos os requintes da cidade e prepara um almoço caipira feiro no fogão de lenha. A fazenda fica há dez quilometros da Rodovia Raposo Tavares e é uma estrada de terra mal cuidada, mas que para meu Jeep 4x4 não é problema.

Chegando a sede da fazenda, Maria havia preparado um lanche com queijos, doces, leite, sucos, com produtos produzidos na fazenda. Apás lanche, Katia trocou de roupa e fomos dar uma pela lavoura, curral, pois eu crio gado de leite e corte e suinos e equinos de raça. Quando chegavamos ao curral meu garanhão estava tentando cruzar com uma egua e sua britadeira enorme estava de fora. Katia viu e ficou sem graça mas não tirou os olhos. O garanhão cobriu a équa e logo apás ja estava pronto para outra. Katia me perguntou: Nenem, meu apelido pois sou o filho caçula, é sempre assim? ele não descança? respondi que esse garanhão era muito fogoso e muito que não acobertava.

Katia ficou toda descontolada e eu notei uma certa exitação em seu rosto. Continuamos nosso passeio. Katia usava uma blusa jeans por cima de um top de seda, uma calça jeans e botas de cano longo, pois eu não permitia outro tipo de calçado na fazenda pois la tinha muita cobra e aranha.

Notei que os bicos de seus seios estavam gritando dentro do top e como nossa relaçao é muito aberta perguntei se o que tinha assistido a havia excitado? Katia ficou corada e respondeu que sim, ja que a muito não se relaciona mais com meu irmão. Aquilo me deixou em ponto de bala pois desde criança eu sou apaixonado por ela e por isso não me casei. Mandei meu empregado encilhar meu cavalo e um outro mais velho para Katia. Os cavalos chegaram e convidei Katia para um passeio pela plantação de milho. Ela relutou dizendo que não sabia montar e eu disse que era minha especilidade ensinar mulher bonita "montar". Katia notou minhas intenções e topou. Montamos e fiz com fossemos para uma areas proximas da divisa onde tem um rio e o lugar não é muito frequentado nessa epoca. Sorocaba é uma terra muito quente ou muito fria, não tem meio termo e nesse dia sol estava torrido. Katia acostumada com ambientes refrigerados não se continha de calor e tirou a blusa ficando sá de top. Aquela visão me pegou em cheio. Senti meu pau ir as nuvens.

O restante contarei no capitulo 2.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos de policiais sacanacontos necessitava de rolacontos incesto comendo minha mae no sitiocontos erotico de medicocontoseróticos, chantageadacontos eroticos sexy romantico e gostosocontos eróticos punheta da primafui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoMe comeram ao lado do meu namoradoescrabas q fodemTrai meu marido e o cara comeu meu cu aforsa vou contar como foiproposta indecente de colega porno de trabalho a casadamulheres peitudas contos eroticosContos de incesto minha mae fugiu com outro e eu fiquei com o meu paiconto pm metedorconto de escrava lesbmarido corno nao ve mulher paasa a mao no pau d outrome comeu aindanovinhaContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontos eroticos com a diretora da escolacontos de insesto fatos.comreaisrasgando um cu virgem da freira- contosonto de encesto meu filho mora sosinhopapai no cuzinho de mamãe contosContos eróticos de cornocom negão dotadosConto erótico me deu sonífero comeu minha bucetaContos erótico novinhas vigem sedo arobada pelo vizinhoteen recem casada contosxvidei a novissa possuidacontos eroticos peluda fedidadei o cu bem gostosocontos de crentisinha cusudacontos esposa foi dançar e passou buceta no pau do amigopai q come filha no sitiocontosconto minha mulher cheia de porraGangbang nas incesto fotossexocontoerótico do paiconto erótico "comeu meu marido "ela tinha escondido dinheiro e chantajiei e comi elacontos eróticos eu provocava meu primo novinhocontos eroticos gay entre primosgozadas na boca do menino contosxcontos eroticos.com casada gostosona deficientecontos eroticos prazer solitario homemfotos de esposa de corno pegando no mastro grandeconto erotico onibusCoroas casadas trepando com novinhos contoscoroa sendo assaltado e estupradofudendo pra valer com tubo de gel no rabocontos meu papai m comeuconto erotico arrombada na florestafilme porno de saia curta botando uma pomba no cu e clorandocontos eróticos minha mãe no esconde escondeo macho frequenta mimha casae o dono contoschupei os pezinhos da minha namorada contos eroticoContos erotico dois policial dotadu fudel minha esposacont erot recem casada um velho memarido chama primo pra tranzar com sua espozaGay com mulher contovideos porno minha mulher me satisfazendo na cama presente de aniversáriomachucaram conto gaycontos fiz o cuzinho da mamãecadela piscando em uma metendo picaContos no clube todos mus meu pai e seus amigos me fodemconto erotico minha mae me fazchupa -laconto gay na academiaContos eroticos violento seioscontos reais de exibicionismo com roupas sensuais para entregadorvideos de homens que dao palmadas fortes na buceta pelada da mulher sem doContoerotico comendo um cu no metrocontos erótico Paráconto eróticos zoofilia estrupei cadelacontos eroticos incesto orgasmo com tioConto erotico de sobrinho com tia alicecontos porno papai me deixou arnbadasenti aquele pauzao derramando varios jatos no fundo da minha bucetacontos eroticos arrombei minha amiga de serviçomeu pedreiro comeu eu e meu marido contoscontos eroticos traindo o marido no onibus