Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUDIDO NA RUA



To de volta, sou Deco do Rio de Janeiro, tenho 24 anos, 1.76, negro, magro, tatoos pelo corpo, um pau de 22cm (não nego a raça né?srsrrsrs). Já contei alguns lances que me aconteceu e vim contar mais um. Foi ao “Cine Ideal”, uma boite no centro do Rio, fui me encontrar com alguns amigos e aproveitei e marquei com um cara da net. Já tcmos há muito tempo e resolvi marcar com ele. O “Cine” tava lotado, sá pra vcs que nunca foram, o Cine parece paraíso, sá gente bonita, homens e mulheres, pessoas do nosso dia-dia, sem camisa, de áculos escuros, um tesão sá. Pois bem o carinha que tinha marcado não ficava por baixo, era gato também. Dançamos, bebemos, beijamos muito na boca, o cara tinha uma bunda, um volume de rola, porra tava louco com ele ali dentro. Ele maior que eu devia ter mais de 1.80, ñ era malhado, mas era grande, sou louco por mãos, ele tinha um par, que porra eram lindas, grandes dedos longos, grossos, ñ curto muito ser passivo, mas pra ele me deu muito vontade de ser. Todos atributos de um cara ideal ele tinha e nos nossos papos pela net, ele se dizia versátil. Tinha chances né? Dentro a boite, continuamos nos ralas, muitos ralas, estamos explodindo de tesão.

Resolvi tira-lo de lá, fomos pra um motel ali na Gomes Freire, bem perto. Foi uma loucura, um “vuco,vuco” que sá vendo, ou melhor sentindo. Era forte a coisa, sem eu perceber já estava nu, ele pegou meu no pau olhou no meu olho e caiu de boca, o cara chupava minha rola de uma tal maneira que tive que segurar minha porra. Pegava pelo pescoço dele beijava e sentia o gosto da minha rola, ficamos assim por um bom tempo, ele mamando e me beijando, ate que virei ele de costa e comecei a lamber seu cu, ele ficou mole, ai pensei: perdi meu ativo né? - o cara se desfez com a lambida, gemia, se contorcia, vi que arilo tava deixando bem relaxado, coloquei a camisinha e meti de uma vez sá minha rola nele, ele deu um grito, mas continuou ali, firme e forte, meus 22cm enterrado naquele rabo delicioso, soquei muito ele rebolava, gemia e pedia mais. Perdi a noção de quanto tempo fiquei metendo nele. Sá sei que gozamos e minha vontade de dar meu cu continuava. Terminamos a foda que foi maravilhosa e fomos embora, ele pra casa dele e eu pra minha, tenho que ir andando, pois moro prox de onde estávamos, no caminho fui abordado por um cara, fiquei com medo confesso, ele veio me perguntando se tinha cigarros, já fui dizendo que não e analisando o sujeito, não era muito bonito, mas também não era feio, normal, um pouco mais baixo que eu, mas me chamou a atenção o volume do seu peito, adoro peitos, o cara tinha um peito que puts... mas o garoto ñ satisfeito com a resposta negativa continuou a puxar assunto, foi então que notei ele estava me olhando, me reparando mesmo. Dei maior papo ate que disse que tava vindo da boite, ele ouvindo aquilo pegou no pau, e o meu na hora respondeu, ele me convidou pra dar uma volta, claro, ele queria sacanagem e eu não tava fazendo nada mesmo fui. Srsrsrsrs

Ele me levou pra um rua deserta e já foi colocando o pau pra fora, caralho! Quando olhei não acreditei, o cara era pequeno mas com uma rola, que porra, devia ter uns 20cm grosso, minha mão não fechava na piroca, era realmente meu dia, cai de boca, chupei muito e já estava feliz por aquilo, a essa altura meu cu tava como, acendeu um chama né? Mas ñ ofereço meu rabo a ninguém, quem quiser comer tem que tentar, sem eu oferecer, pra minha felicidade, ele me deu um tapa na cara, se abaixou e me olhou e disse assim: - vou socar seu cu neguinho, querendo ou não. – pensei na hora, quem disse que não quero rapa? Mas fiquei com medo, era muita rola e tinha um tempo que não sentia uma rola no cu. Eu mesmo coloquei a camisinha foi difícil, era muito grassa, ele eu tinha ganhado na boite sache de gel, minha sorte, ele era profissional, tinha a técnica de enrrabar, foi metendo com carinho, e eu lembrava do cara que tinha acabado de meter no motel, fiquei igual a ele, mole, sem ação, quero ser possuído, assim aconteceu, ele brincou com meu cu, socou e nem dor eu senti, tava muito bom ele fala sacanagens no meu ouvido, eu adoro isso, dizia que meu cu era apertado e quente, que tava segurando pra não gozar, disse pra ele que queria porra na cara, estava sendo realmente puto dele, ele anunciou a gozada e eu virei e fiquei de joelhos e recebi o leite o meu macho na minha cara, quente, cheirosa, uma delicia, olhava pra ele e ele parecia em transe, foi muito gostoso ver e sentir aquilo e que gozei muito no chão. Ele deu um tapinha no meu ombro e disse, nos vemos por ai. E nunca mais encontrei, confesso que já andei pelo local outras vez no mesmo horário, pra ver se encontrava, nada, não achei. Achei outros mas nenhum me comeu, eu comi os caras.

Meus relatos

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cumendo cuzinho gostozinhocontos reais de mulher que deixou cachorro emgatar na bucetameu sogro me escravizou contos erotiçosconto só uso fio dental sou gaúchapaty abriu a buceta com os dedos contosConto de vadia explorada por muitos machosporno mulheris con a perna meia canbotanovinha p****** dando para o bodãoconto erotico encoxada vizinhocontos minha madrinha aguentou 25cm de pauno cu e ma bucetamimi apaixonei pelo novinho de pau grande contos gaysurda muda gostosa contomeu padrasto fou no meu quarto vcontosContos eróticos mães com a buceta peluda e cheiro fortecastigo anal sadomasoquismo contoshistorias eroticas comendo a irmãmuitus contus estupro na favelacontos eroticos minha tia tomando banho de solcontos eroticos currada caronacontos de casados que ama ser viados de fio dentalcontos gay sou submisso ao meu irmão mais velhocontos eroticos menino de calcinhacontos de sexo com novinhas trepando com advogadosContos namorada e o velhoconto erótico bucetas e cu a minha disposiçãocontos eróticos n********* d********* para o cachorroconto erotico eu não queria ser cornowww.contoseroticosenfermeirascontos eróticos incesto férias com mamãeparou na borracharia pra arrumar o pneu e levou pau gay fudendoPorno maes pais iniciando suas ninfetinhas no incesto contoscontos porno melhor amigocache:QMYWc_LAcUAJ:idlestates.ru/conto-categoria-mais-lidos_1_18_fetiches.html Contos eroticos minha mulher dormindo e eu louco pra fudelacontos eroticos o tio safado e pintudoContos excitantes sou gaúchaContoseroticos meninas novinhas estupradas pelo amigo do paiconto como foi que eu chupei a bucetinha de uma loirinha de cinco aninhoscontos eróticos de bebados e drogados gaysEu fudi toda a familia do meu amigo fudi a filha dele fudia a esposa dele fudi a cunhada dele contos eroticosfilhos gay moleque novinho trepando pela primeira vez cantando muitocontos de coroa com novinhocontos contados por mulheres que maridos insistiram para elas usar roupas mais curtascontos eroticos chantageada pelo segurança da lojacontos eróticos de bebados e drogados gaysconto minha esposa devoradora de garotinhosconto erótico de gay dando o cu pra catador de papelão contos eroticos sou travesti e o cara mandou eu gozar dentrocontos erotico de estuprominha esposa ela não gostava de depilar sua buceta cheia de pentelhos eu disse pra ela se você raspar sua buceta vai ficar linda eu não sabia que minha esposa que ela tinha raspado sua buceta a noite eu entrei no quarto minha esposa tava deitada na cama com o lenço em cima da suas pernas ela disse pra mim tirar o lençol de cima da suas pernas eu tirei o lençol sua buceta tava raspadinha ela me perguntou pra mim você gostou da minha buceta raspadinha eu disse pra ela sua buceta raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta ela gozo na minha boca ela chupou meu pau eu comecei a fuder sua buceta ela gozo ela ficou de quatro eu comecei a fuder seu cu conto eróticocontos de foder empregadaContos olhando a mãe dadona redonda arreganhado o cuzaovoyeur de esposa conto eroticodemorou mais eu fodi minha irmapai q come filha no sitiocontoscontos eróticos f****** a cunhadinha pequenininhaesposa bunduda rece be uma proposta para da cu ela nunca deu contos eroticos pezinhos da minha sobrinha contos eroticosvídeos pornô muller que esta usando vestido de veludo analconto eRotico os piralhoS m comeraover contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionáriosminha iniciação gay contoscontos eróticos empregada em jardineirasminha esposa revelou ser muito safadaColégio.Incestocontofudendo a sogra conto ingenuaminha mãe da pro filho da empregada contosTennis zelenograd contocontos erotico ela trai o maridocontos erotic quarto empregadaconto banho com a namorada na academiaconto meu marido deixou o negao do baralho me comercontos eroticos mulher feiadando banho cacula conto eroticos gayconto minha mostrousou uma putinha gostosa da familiaMe comeram ao lado do meu namoradocontos eroticos gay: africano me arrombouconto de rasgei o cu de meu irmão fazendo ele choracontos de putaria casal com garçom doutado