Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRESENTEADA COM 3 MACHOS

Depois do meu 2ª casamento, achei que ficaria sá, até que em Sampa, encontrei minha metade. Eu, aos 45 anos e ele, viúvo, sem filhos, com 50 anos. Meu corpo é normal pra uma mulher da minha idade mas tenho um tesão que 2 maridos nunca deram conta.

Esse meu marido, o Roberto, aparentava um homem calmo, tranquilo, embora goste mto de sexo. Um dia, bebemos um pouco alem da conta e ele perguntou se eu tinha uma fantasia sexual e se tivesse, ele iria realizar, pois era doido por mim. Pelo efeito da bebida, eu disse q sempre fantasiei ser comida por mais de 1 macho. Ele riu e disse que estava fazendo uma promessa. Que qdo eu menos esperasse, meu desejo se realizaria. Esqueci daquilo, até q um dia, ele apareceu com um vibrador e começou a falar besteiras no meu ouvido, que aquilo era o pau do outro macho. Até assustei, mas adorei a brincadeira. Transamos por horas com nosso “amiguinho”.

Meses depois, ele chegou com passagens para o nordeste, dizendo q era um presente. Viajamos, felizes, mas ele sempre com uma carinha safada. Um dia fomos andar de jangada, em Maceiá e vi que ele estava bem falante com o jangadeiro, Seo Pedro, um negão de uns 40 anos .

Na jangada, reparei que os outros jangadeiros iam em outra direção e quando fui perguntar, Roberto começou a me beijar e a acariciar. Estávamos sá nás 2 e o negão. Estranhei o comportamento de Roberto, mas confesso que adorei a cena. Estava de biquine e deixei que Rô metesse os dedos na minha xaninha, que chupasse meus peitos e sá de saber que Seo Pedro assistia eu me molhava toda. Perguntei a Rô o que era isso e ele respondeu que era um presentinho. Nisso, vi que chegávamos a uma praia deserta com uma bela casa. Rô disse que ficaríamos ali por uns dias, que ele tinha alugado a casa. Ao descer da jangada, vi que o pau do negão estava armado e isso me deixou excitada. Perguntei como voltaríamos e Rô disse que Seo Pedro ficaria conosco. E deu uma piscadela. Na hora saquei: eu teria meus 2 machos. Quase explodi de gozo ali, mas fiquei na minha.

A casa estava toda preparada, com comida e bebida. Já tinha tomado varias cervejas no trajeto e fui pra piscina, seguida por Rô. Seo Pedro veio trazendo um balde com cervejas e Rô mandou q ele tomasse uma Tb, que ficasse a vontade. Ele estava sem camisa, abriu uma cerveja e sentou-se numa cadeira. Rô, sem cerimônia tirou a parte de cima do meu biquine e começou a chupar meus seios. Estavamos dentro da piscina e ele me tirou, me colocou na beirada e sem qualquer cerimônia, tirou a calcinha do biquine e começou a chupar minha xana. E seo Pedro assistindo. Vi qdo ele meteu a mão dentro da bermuda e alisou o pau duro. Rô chamou-o pra pedir outra cerveja e qdo ele abaixou-se pra entregar, segurei-o obrigando a se ajoelhar.

Daí pro pau dele, enorme, estar em minha boca foi um triz. Entendi o presente de Rô e agradeci com uma boa gozada em sua boca, chupando o pau do negão.

Seo Pedro gozou comigo e bebi sua porra como se fosse leitinho. Rô reclamou que era o único que não tinha gozado. Respondi que a gozada dele seria especial.

Rô então, me contou que tinha alugado a casa e contratado seo Pedro pra satisfazer minha fantasia. Que ficaríamos 4 dias na casa e que seu fosse boazinha teria mais surpresas boas.

Fomos para a casa e vi que tinha comida pronta na mesa. Estava morta de fome e perguntei quem tinha preparado tudo. Foi qdo vi mais 2 homens saindo da cozinha. Confesso que me assustei. Eles estavam sá de avental. Seo Pedro disse que eram amigos seus e que estavam lá para servir a “dona”. Rô disse pra eu não comer muito pra não ter congestão e comi sá a salada. Os homens tiraram a mesa e Rô disse que agora eu estava submissa a ele. Mandou que eu me deitasse na mesa e que nossos convidados se servissem. Eles tiraram os aventais e vi o maior pau que já tinha visto na vida. Seo Pedro e um dos cozinheiros tinham paus grandes, mas o outro, tinha um pau que parecia uma tora. Jamais aquilo caberia em mim.

Rô disse que me amava e que jamais me machucaria. Disse que o pauzudo sá iria ser chupado.

Estava doida de tesão e ao mesmo tempo assustada. Mas a bebida embotava minha mente.

Seo Pedro e Jonas, o cozinheiro de pau mais perto do normal começaram a me bolinar. Rô deu o pau pra eu mamar. Sentia, em minha embriaguez, minha buceta ser preenchida e meus peitos serem sugados. Meu tesão era enorme. Gozei varias vezes, sempre mamando um pau. Ora era de Rô, ora era um descomunal. Gritava feito animal no cio a cada orgasmo e bebia mto também. Acordei no chão da sala, toda melada de porra, com Rô, seo Pedro e os 2 cozinheiros agarrados em mim. Levantei e fui tomar um banho. Não acreditava que tudo tinha acontecido. Saí do banheiro e senti cheiro de café. Os 3 estavam na cozinha, nus e me saudaram. Rô perguntou se eu ainda aguentaria e se queria ir embora. A ficha caiu e entendi que tinha recebido um super presente. Respondi que 4 dias seriam poucos.

Sá aí fui checar o pau de Zeca, o que disseram que não caberia em mim. Mole era enorme e alisei, lambi e em poucos segundos ficou duro feito tora. Assustei mandei Rô pegar a trena na mala. O pau de Zeca tinha 23cm de comprimento por 6cm de diâmetro. Sabem o que é isso???? É um tubo de inseticida, tipo SBP. Ele, choroso, disse que desde que sua esposa tinha morrido, sá tinha metido com vacas e cabritas. Prometi a ele, num impulso que alargaria minha buceta e daria a ele a melhor gozada da sua vida. Rô se assustou e seo Pedro disse que se eles 3 me alargassem, até poderia entrar a cabeçorra de Zeca. Fui comida por Rô, seo Pedro e Jonas até desfalecer. Rô comia meu cuzinho e não deixou ninguém chegar perto dele e fui duplamente penetrada, no cuzinho e na buceta dia e noite. Foi qdo seo Pedro, metendo minha buceta, chamou Jonas pra meter dentro dela Tb. Os 2 paus eram grandes e eu disse q não caberiam, mas Rô, aparentando estar zangado, disse que enqto eu não fosse penetrada por Zeca, ele não me levaria embora. Rô e Zeca me seguraram e seo Pedro e Jonas me penetraram juntos na buceta. Chorei de dor, fui rasgada, e eles explodiram em gozo. Logo que tiraram os paus, Seo Pedro trouxe um pepino tamanho família, quase do calibre do pau de Zeca, lambuzou no azeite e foi atolando na minha buça, devagar...e eu gritando. Entrou quase tudo e daí Rô me disse que eu ficaria assim por 1 dia inteiro, pra alargar a buceta. E que se eu tirasse o pepino, Zeca iria me arrombar sem dá. Era nosso 2ª dia lá e eu estava toda esfolada. Durante todo o dia e noite, eles giravam aquele pepino, até que já conseguiam tirar um pouco e enfiar de novo...sempre jogando azeite. Acabei gostando daquilo. No dia seguinte, eu ainda deitada, Rô veio revirar o pepino e tirou-o de dentro da minha buceta. Riu e chamou os outros pra verem o tamanho do buraco. Zeca, vendo aquilo, jogou o imenso pau na minha boca, mandou eu mamar e assim que ficou duro, veio metendo devagar, gemendo, gritando, em minha buceta alargada. Mesmo assim, gritei qdo ele entrou todo, mas tive a melhor sensação do mundo. Parecia que um homem inteiro estava dentro de mim. O tesão de Zeca não tinha fim e Rô decidiu prolonga-lo. Buscou um Viagra e deu a Zeca. Nem preciso dizer que sá sobrou pros outros 3 o cuzinho e a boca, pq Zeca me comeu os 2 dias sem parar.

Bem, voltando pra casa, verifiquei que estava tão arrombada que tive que ir ao medico, que me indicou sessões de pompoarismo. Com isso fiquei apertadinha de novo, sá que eu e Rô viciamos nisso, em eu ser comida por vários machos. Buscamos companhia. Se vc quiser comer uma coroa bem puta, escreva pra nás.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos meteu o cu no pau do irmao que tava dormindoaos 60 anos dei a buceta pro menino de 15 contoscontos eróticosperdendo as pregas do cuzinhocontos eroticos subrinhas virgemOq deu a chantagem do sindicocontos eróticos de padrasto comendo enteada ainda bem pequenaO coroa com ele em cima da sua lancha ele me fuder conto eroticocontos eroticosmasturbando o cuzinhocontos eroticos enfermeira saco peito grandeconvenci meu pai a levar me com ele ao clube de swingers conto eroticocache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html vi meu genro mijando e dei pra elecontos de incesto dez anoscontos patrao chantageia funcionário pra comer a mulher gostosa do funcionáriocontos fui chupada pelo velhoSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos swinger fudendo sogra e sogro bicontos não aguentei o pau do meu pai inteiro dentro de mimconto gay meu primeiro cuconto erotico meu filho me chapoumeu cuzinho desvirginadotocu de proposito pornodoudocontos eroticos de avôcontos na lua de mel fizemos swingmeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contocontos eróticos me bater castigopau expulsa pau do corno da buceta contosgritei de dor contos eróticossenti que meu marido queria ser corno contowww.contos eroticos patroa trai marido dando cu pra manino novenho pauzodoozadia. e amole. picaporn dpois de ir a padaria com o visinhoconto+foi+arebentado+grupo+travestesSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos encesto mae coroaconto eróticos. curiosidade. chupei pintocontos fui ver o predio o porteiro me comeua crente e a zoofilia_contosconto erotico vovó cuidanto de um estranhodepois de dar pro ricardao dei pro meu marido contodeusa de ebano com uma bunda maravilhosagozo na bucetinha dá cunhadinha com jeitinhoO pau que eu sempre quis contos eróticoscontos eroticos amiguinhascavalo enterrandi tudo na novihatravesti.coza.com os.dedos no seu cuContos eroticos cegocontos eroticos gratis submissão chantagem casadasbronzeamento com a amiga greluda contocontos eróticos me pegaram a força no meu trabalhocontos a pequena taradinhaMelhor amiga da minha mulher na minha rolaswing porno mulheres vao sem calcinhafui chantagiada pelo meu amigo de trabalhoSou casada fodida contoFui corno e gostei muitocontos eroticos o homem da garagemcontos eroticos engravidei uma novinha faveladafilho delicia contoa bumda que sempre sonhei comequando era pequena mamava na pica do meu tiocontos eroticos o filho do pastorConto erotico a mae do meu amigo era mto gostosaSou casada Minhas filhas me viram sendo fodida contotaras de ficar olhando outroa fuderconto sozinho com minha sogracontos eroticos crossdressercoroa casada depilada contoscasas dos contos Eróticos Genros Mais lidoscontos eroticos minha mulher falo no meu ouvido seu amigo e roludoboqueteira gaucha contoSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos erotico gay negro dando pra brancoconto erotico Meu amigo hetero deixou eu chupar o pai delecontos namorada arrombada assaltantesminha cunhadinha virgemRebola no pau do papai conto